Páginas de Navegação do Menu

Não Correspondido

Não Correspondido

O Senhor Jesus, em seus muitos ensinamentos quebrou todos os clichês que permeavam o relacionamento dos homens com Deus e com o próximo. Mostrou que o interior debilitado das pessoas estava coberto e embelezado pela bela aparência religiosa, impressionando os outros com suas orações, com suas ofertas, com seu vestir e com sua forma de cumprimentar, mas sua conduta e seu interior eram rejeitados pelo Senhor. A eles Jesus comparou com sepulcros bem adornados, sendo sua aparência admirável, porém seu interior fedia a morte.

 

Ainda hoje somos tocados e exortados pelas palavras do Mestre. E uma delas nos mostra que ainda precisamos ser moldados para que Deus nos transforme e nos faça conforme sua vontade:

 

Se amardes os que vos amam, que recompensa tereis? Não fazem os cobradores de impostos também o mesmo? E se saudardes somente os vossos irmãos, que fazeis de mais? Não fazem os gentios também assim?

Sede vós, pois, perfeitos, como perfeito é o vosso Pai que está nos céus.”   Mt 5.46-48

 

Particularmente, este texto falou muito comigo. É algo que está impregnado no meio que vivo: a falta de atenção e amor aos outros. Todos estão sempre atarefados, estressados e apressados, é uma correria geral todos os dias, não há tempo suficiente para preocuparmos com nós mesmos, quem dera com os outros. O mundo está repleto de predadores e oportunistas, não se pode vacilar, não se pode confiar, pois se houver um vacilo, certamente virá uma perda.

 

Como consequência dessa guerra vivida todos os dias, os seres humanos perderam o amor, a fraternidade e a hospitalidade. Mal cumprimentamos nossa família e voltamos ao mundo competitivo almejando sermos melhores que os concorrentes para que haja algum retorno financeiro ou reconhecimento do nosso trabalho. A sociedade se tornou individualizada, egoísta e apática e cada indivíduo reflete e sofre o resultado desta solidão generalizada.

 

Ao lermos o que Jesus disse, percebemos o contraste entre o amor de Deus e o extinto amor dos homens. O amor de Deus não escolhe. É um amor que não analisa pontos positivos e negativos. É um amor que não se cansa. Um amor que não é tímido. Um amor que não observa a classe social. Um amor que não necessita ser correspondido, pois é um amor que persegue! E é para esse amor que fomos chamados: para viver o amor que alcança todos. Porque se limitarmos nosso amor apenas a quem somos correspondidos fazemos conforme a comodista natureza humana! Mas se estendermos nosso amor ao que não é recíproco, passamos a fazer conforme a natureza de Deus!

 

Se apenas saudarmos os amigos e familiares o que fazemos de mais? Se apenas compartilhamos o bem com quem temos intimidade, em que nos diferenciamos dos “gentios”? Mas nos destacaremos como geração eleita quando nos deixarmos ser moldados pelo Espírito Santo para que sejamos instrumentos de alcance do reino de Deus!

 

Não fomos chamados para agirmos conforme o padrão competitivo e desumano que nos permeia. Mas fomos chamados para proclamar e anunciar que nosso Deus é um Deus que ama, que cuida e que transforma o estado de depravação espiritual que a humanidade se encontra! E essa transformação tem que começar de quem já se diz transformado!

 

Portanto, meu desejo é que sejamos agentes de transformação! Que sejamos usados pelo Espírito Santo! E que nos diferenciemos pelo Espírito que envolve nossas almas e alcancemos vidas que carecem de amor!

 

Que o exemplo de Cristo comece a atingir a sociedade a partir de nós!

 

” E, por se multiplicar a iniquidade, o amor de quase todos esfriará. Mas aquele que perseverar até o fim será salvo.” Mt 24.13

 

Graça e Paz!

Meu desejo é ser um engenheiro, pastor e pregador abençoado e segundo o coração de Deus! Cristão desde criança, sempre buscando conhecer a Bíblia e aprender mais sobre Deus. Meu prazer sempre foi estudar a palavra de Deus e compartilhar o que aprendi. A partir disso, tive a oportunidade de ser colunista. Vi isso como uma forma de ser um instrumento de evangelização através dos meus textos. Espero que o nome de Jesus seja glorificado através do trabalho dos JOVENS EVANGÉLICOS (JE).

     
  Receba nossas novidades diretamente em seu email  
     
   
     


Comente com o Facebook

commentários



Ou use o nosso sistema padrão